Novo documento da CIA atesta que Geisel autorizava assassinatos…

Este documento que veio à baila é mais uma evidência, em que pese (se bem que não pesa mais coisa alguma, pois basta estudar um pouquinho de Guerra Fria) qualquer dúvida restante, 1º) da relação direta dos EUA (governo, CIA, etc.) com a ditadura brasileira, como nas outras ditaduras restantes da América latina, e 2º) da violência atroz vinda do regime militar assassino. É importante reforçar este segundo ponto, ou seja, a truculência do regime, porque no governo Geisel (1974-1979) a “luta armada” — maior ameaça direta contra a ditadura, além das lutas ditas democráticas — já estava praticamente dizimada desde 1970, mais ou menos. Por fim, cabe lembrar e insistir que partes deste memorando, além de vários outros documentos reveladores no Brasil e nos EUA, estão indevidamente sob sigilo, são apenas a ponta do iceberg…

https://g1.globo.com/politica/noticia/em-memorando-diretor-da-cia-diz-que-geisel-autorizou-execucao-de-opositores-durante-ditadura.ghtml

http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2018/05/relatorio-da-cia-geisel-manteve-e-centralizou-politica-de-execucao-sumaria-de-subversivos-de-medici

https://www.otempo.com.br/capa/brasil/presidente-ernesto-geisel-autorizou-execu%C3%A7%C3%A3o-de-presos-pol%C3%ADticos-diz-cia-1.1609849

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *