Fernando Pessoa (1888 -1935): Só a arte é útil…

“Só a arte é útil. Crenças, exércitos, impérios, atitudes – tudo isso passa. Só a arte fica, por isso só a arte vê-se, porque dura”, Obra em prosa, p. 218.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *